quinta-feira, 19 de abril de 2012

Abertura Projeto Rua das Rimas


Dia 07/04 aconteceu a festa de abertura do Projeto Rua das Rimas, o evento começou as 14:00 com  discotecagem dos Djs V-Rap e Rebeldia, tocando pedradas do Rap nacional, do Soul e do Funk, repertório que diga-se de passagem contagiou o público presente.

Interagindo com a discotecagem os educadores Anderson Benelli e André Luis entraram em ação com a oficina de Graffiti (Rua D’arte), trabalhando com as crianças técnicas de Stencil e intervenção livre na rua.

 Em seguida crianças e jovens participaram da oficina de Dj que teve como ministrante DJ V-Rap que explicou fundamentos e técnicas do elemento dialogando com a prática nos toca discos. Em uma de suas falas o Dj deu ênfase sobre a importância da mulher  dentro do movimento Hip Hop, o que chamou a atenção das meninas e meninos que participaram do evento.


Fechando as oficinas culturais Alanshark ministrou oficina de MC (elemento a ser aprofundado dentro do projetoRua das Rimas) na qual fez um rápido resgate histórico até os dias atuais, dando ênfase na diversidade dos MCs que estão em atividade. Nesse momento foi demonstrado na prática toda essa riqueza a partir das apresentações dos MCs: DielKbça, Americano e Vinius Schwanbah.

Após cada sessão de rimas era chamada a atenção para as características de cada um deixando evidente as diferenças entre o estilo de cada MC e enfatizando a importância desse avanço dentro da música RAP.

A noite caiu e o evento esquentou com intervenções musicais dos gupos: Idioma e Fora de Frequência, seguidos dos MCs  Diel (Rimaistas) e Kbça que mostraram parte da identidade do bom RAP produzido na região do Jd Ângela.

Pra fechar a festa em grande estilo e trazer a tona a importância política do Hip Hop, rolou cinema na rua com exibição do documentário Nos Tempos da São Bento, doc que busca a memória coletiva do movimento. Entrevistando fundadores do Hip Hop no Brasil, o filme enfatiza a importância de não se deixar perder na história fatos e sujeitos.

Durante o filme surgiram alguns comentários entusiasmados e cheios de reflexões, o que só fortalece a convicção de que precisamos escrever nossa própria história para que ela seja transmitida de forma verdadeira e transparente, evitando assim, que a mesma seja manipulada ou até mesmo apagada.

Coletivo Fora de Frequência (Anderson Benelli, Pesão, Luciana de Jesus, Vinicius, DJ Rebeldia, Alanshark, André Luis) agradece Todas e Todos que trincaram na missão!











                                                                           







     O projeto Rua das Rimas é apoiado pela Produtora Social Cultural A Banca e a Rede América – Iniativa Comum, Bloco do Beco, CMM e RECID - SP.


Nenhum comentário:

Postar um comentário